Vinaora Nivo Slider 3.xVinaora Nivo Slider 3.xVinaora Nivo Slider 3.xVinaora Nivo Slider 3.xVinaora Nivo Slider 3.x

Os discos em vinil, no passado um moderno suporte áudio, foram usados para transmitir o evangelho de Jesus Cristo nas famílias.
Todos os materiais impressos para distribuir ofereciam um disco gratuitamente e uma assistência pessoal por correspondência a todos os interessados. Todo este trabalho começou a ser feito por voluntários.

Dia 1 de Dezembro de 1962 Donativos espontâneos conduzem à fundação da Missão Suíça por Discos, em Frutigen. Os membros fundadores são Ernst Trachsel-Pauli, Gottlieb Lauber, Hans Eduard Schmid, Lina Schranz e Anni Werthmuller.

1963 O trabalho aumenta rapidamente. Inscrevem-se 40 pessoas como membros. É editado um segundo disco em alemão e um em italiano. Depósitos de entrega em Frutigen, Milano e na região de Salzbourg. A O.M. (Operação Mobilização) distribui 590.000 folhetos msd em Itália. Trabalhadores estrangeiros na Suíça são convidados a reunir-se com o evangelista Emile Belotti, de Nyon.

1964 A 26 de Janeiro tem lugar a primeira jornada missionária em Berna. Os destinatários dos discos recebem regularmente uma carta com notícias.

1965 É editado um disco em espanhol. Em Abril, Ernst Trachsel dedica-se a tempo inteiro à msd. A sua livraria e a sua editora de livros são alugadas para uso da msd. Depósitos de material em Innsbruck (Austria) e Niederweiler (Alemanha). Uma equipa de jovens cristãos inscreve-se para a primeira distribuição de folhetos no estrangeiro.

Os anos 60

Abrem-se vários centros missionários na Europa. Itália: Toscana, Campanha, Calábria; França: Palaiseau; Espanha: Calatayud.
Os missionários da msd recebem apoio em campanhas de evangelização realizadas por jovens cristãos que aprendem assim a viver a comunhão fraternal e a ser fortalecidos no seu testemunho por Cristo.

Os anos 70

Intensifica-se o trabalho em Itália (Abruzzes) e em Espanha (Madrid).
O trabalho das publicações é completado com visitas a mercados e distribuição de literatura. A msd está presente com um stand na exposição OHA em Thun e na Feira de Amostras em Basel.

1971 A msd torna-se membro do Grupo de Trabalho das missões evangélicas (AEM). O jornal da msd é distribuído por todas as casas em várias localidades.

1972 A msd edita a primeira cassete áudio.

1974/1975 Aumenta o trabalho de literatura na Suíça e em Espanha.

1977 Um passo revolucionário: a gestão dos endereços passa a ser feita por computador.

1978 Venda da Editora a Werner Taschel. A msd cessa as suas actividades comerciais. Walter Donzé assume a direcção da missão. Estende-se o trabalho de literatura com novos folhetos e materiais impressos. Os contactos pessoais têm um aumento significativo por meio dos cursos bíblicos por correspondência.

1979 Difusão do testemunho de Augusto Pressler por rádio e televisão. Muitos contactos chegam-nos da África de língua francesa. Apresentação do trabalho missionário através de uma montagem áudio-visual.

Os anos 80

O novo disco e a nova cassete áudio em alemão são muito bem recebidos.

1983 É fundado um Grupo de trabalho para a missão entre os estrangeiros, AfA/ CH. A msd inicia conjuntamente a conferência de missões que trabalham com os estrangeiros: AMIKO.

1984/86 O trabalho dos cursos bíblicos por correspondência em África atinge o seu auge. Em apenas um ano, 3.000 pessoas recebem uma Bíblia depois de completar o curso.

1988 O Desktop Publishing revoluciona a impressão das publicações.

1989/90 É preparado um novo curso bíblico para os países africanos. Aos meios de ajuda ao testemunho já existentes juntam-se as sondagens de opinião.

Os anos 90

As ideias criativas dão alento ao testemunho pessoal cristão: Reportagens a quatro cores, histórias ilustradas, postais.

1991 Vídeo «Pedras negras»

1992 Bombom - folheto e cartões de visita

1993 Animações por computador

1994 Grande produção de cassetes para crianças em francês. Novo curso bíblico por correspondência em alemão.
Após um estágio em Frutigen, o nosso primeiro colaborador no Madagáscar começa o seu trabalho. Assim arranca o período de assistência descentralizada aos nossos estudantes dos cursos bíblicos.

1995 Aparece o calendário «Tesouros Escondidos». Nos anos seguintes houve uma procura inesperada.

1997 Correcção dos cursos bíblicos no Benin e nos Camarões.

1999 A msd recebe novo nome e uma nova organização. «Media Serviços Difusão» descreve a essência da nossa actividade. A responsabilidade operacional é transferida principalmente à direcção da missão, que passa a ser constituída por um director e um gerente.

2000 e seguintes

O calendário «Tesouros Escondidos» em francês, italiano e espanhol suscita cada vez mais interesse. Entre os calendários destaca-se também o alemão «Gedankenanstosse» e o calendário para as crianças. O trabalho da msd descentraliza-se. São criadas associações autónomas no Madagáscar (1998), Espanha (2002), Itália (2004) e França (2005).

2002 Um ano de mudanças: A msd compra a casa de Grassiweg nº 3 em Frutigen e instala os escritórios da missão. Primeiro compromisso missionário na Bélgica. Aparece o primeiro CD. Começa o trabalho na ilha da Reunião e na Costa de Marfim.
Daniel Berger assume a direcção da missão.

2003/2004 Os compromissos missionários da msd em França, Itália e Bélgica aumentam cada vez mais. Em África, os cursos bíblicos são traduzidos em fulfuldé, kinyarwanda, suahili, e português! Na Costa de Marfim e no Togo, os cursos bíblicos são corrigidos no próprio país.

2005 É editado o DVD em francês «Les clés mystérieuses» (As chaves misteriosas). Todas as cassetes da msd estão disponíveis em CD.
A msd em Espanha produz três CDs e quatro publicações sobre temas actuais. O Ruanda recebe mais um colaborador. O calendário é usado em emissões de Rádio e na Internet nos países francófonos.

2006 O calendário em alemão «Gedankenanstosse» é editado a quatro cores. Os calendários para crianças são impressos em cinco línguas. Grande tiragem de um calendário em português. Primeira campanha missionária na Áustria.

2007 A produção de calendários passa a barreira dos 415.000 exemplares. O que em 1995 tinha começado com 14.000 exemplares em francês multiplicou-se através de numerosas variações, em diversas línguas e em grandes tiragens. O site da Internet é totalmente reorganizado.

2008 É preparado e distribuído em Portugal o primeiro calendário «Bom Ano - Tesouros Escondidos». Abrem-se novos canais para o envio de calendários para a Guiné-Bissau, Moçambique, Cabo Verde e Brasil.